Bônus #6.2 – Junho

A madeira tinha o toque liso em sua mão. Retirou o objeto de suas vestes e aproximou-o da têmpora. O brilho da varinha tingiu toda a sala de prateado. Olhava pensativo para o vidro vazio à sua frente.  Fechou os olhos e, com um movimento suave, afastou o instrumento da sua cabeça. Com a ponta, carregou suavemente o fio fluídico de pensamento até a boca da garrafa. O recipiente cintilava com o brilho das boas memórias permanentemente preservadas.

Depositou-a gentilmente ao lado das outras garrafas. Agitou brevemente a varinha e escreveu as mesmas palavras no rótulo, como em todos os outros dias.

“Ela.”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s